Notícias

CAMPEONATO ABIERTO DE LA REPUBLICA - FORMULA WINDSURFING


    (31/03/08)  

Por Wilhelm Schurmann

No último dia do campeonato fomos presenteados com condições perfeitas para formula.
A maioria dos velejadores entrou com velas 10 a 11 metros, pois o vento estava entre 15-22 nós.

Na primeira regata todos tentaram largar perto da bóia, já que era o bordo viciado. Eu larguei perto do Galvan e o Paulão, que largou um pouco mais atrás de mim, me passou por cima. Comecei a pegar o vento sujo e cambei. Ele fez o mesmo para me marcar enquanto Mathias, Sergio e Galvan continuaram um pouco mais. Paulão controlou a regata até o fim, eu fiquei em segundo, seguido do Sergio e Mathias.

Na segunda regata tinha horas que a 10.7 já estava um pouco grande. Eu e Paulão tivemos uma disputa boa na largada e ele saiu um pouco na minha frente. Quando cambei para bóia ele fez o mesmo para me marcar e montou em primeiro, eu em segundo, Mathias, Sergio, Galvan e Raul Saubidet em uma batalha bem próxima logo atrás.

No popa ficou igual e, subindo para o segundo contra vento, arrisquei de ir para o outro lado da raia para ver se conseguia ter uma rondada e chegar perto do Paulão. Com isso Paulão abriu mto e os que vinham atrás se aproximaram de mim. Paulão venceu com facilidade, eu fiquei em segundo, Sergio (eu acho) em terceiro e Mathias em quarto.

Na terceira e ultima regata do (último) dia era tudo ou nada para mim e Paulão, já que se ele ganhasse, ficaríamos empatados e ele venceria no critério de desempate, que aqui estava como o vencedor da última regata.
Largamos bem próximos e fomos juntos até o layline da bóia de contra vento. Cambamos junto e ele montou em primeiro, eu em segundo e Sergio e Mathias logo atrás. No popa eu dei o jibe um pouco antes do Paulão e consegui chegar ao limite na bóia. Com isso cheguei mais próximo do Paulão, que montou o popa em primeiro.
No segundo contra vento, Paulão cambou, eu segui uns 10 metros e cambei. O vento começou a diminuir e parecia que estava mto fraco para o lado que estávamos indo. Paulão resolveu cambar e eu arrisquei tudo. Segui no ventinho fraco, torcendo para o vento não cair totalmente. Quando cambei não acreditei, peguei uma rajada da sorte, que me levou direto para a bóia. Montei em primeiro e o Paulão em segundo, seguido do Mathias em terceiro. No popa Paulão arriscou para o outro lado e eu fiz o mesmo para marcá-lo. Fizemos o mini-slalom no final e acabei em primeiro, com Paulão em segundo, Sergio em Terceiro e Mathias em quarto".

Com isso, os três primeiros colocados foram brazucas.


Wilhelm Schurmann BRA999 (starboard-neilpryde)
Paulo dos Reis BRA 3333 (starboard-servene-BL3)
Mathias Pinheiro BRA 5 (banco do nordeste - F2 - North)

Mathias também faturou o Máster.


No final foram 6 regatas e um descarte. A organização foi impressionante e os amigos de Mendoza, nos receberam de braços abertos e fizeram nos sentir em casa.


Na Segunda, tivemos tempo de ir até a base do Aconcagua para conhecer. Valeu à pena, pois o visual é alucinante.

As fotos do velejo estao no site www.windsurfargentino.com.
Até o fim da semana todas as fotos deverâo estar no ar.